As exportações do agronegócio em 2020


2020, apesar de ter sido um ano atípico em muitos setores, surpreendeu com um Agronegócio mais agressivo e presente nas exportações. O Ministério da Agricultura divulgou nesta terça-feira, 12/01/21, que as exportações do agronegócio atingiram US$ 100,81 bilhões no ano que se passou.


O número é o segundo maior valor da série histórica, atrás somente de 2018, quando somaram US$ 101,17 bilhões. Em 2019, as vendas do país chegaram a US$ 96,8 bilhões. Com o resultado de 2020, o agronegócio foi responsável por quase metade das exportações do Brasil no ano, ao atingir uma participação recorde de 48%.

Soja como destaque do ano

O complexo soja foi o principal setor da pauta exportadora do agronegócio em 2020, com vendas de US$ 35,24 bilhões e 101,04 milhões de toneladas. O setor correspondeu a 81,1% do valor embarcado pelo agro. A China comprou 73,2% da soja em grãos exportada pelo Brasil, o que correspondeu a uma cifra de US$ 20,91 bilhões (2,2% superior a 2019).

Crescimento no agronegócio

Em relação a 2019, as vendas do agro cresceram 4,1% nas exportações, puxadas pela soja, carne e açúcar. Por outro lado, houve queda de 5,2% nas importações do agro, a US$ 13,05 bilhões em 2020.


Como resultado do aumento das exportações e queda das importações, o saldo da balança comercial do setor foi positivo em US$ 87,76 bilhões, o que compensou o déficit de US$ 36,87 bilhões nos demais setores da economia.


A China continuou como a principal compradora de produtos nacionais, adquirindo mais de um terço de tudo que foi exportado pelo setor.

Carnes

As carnes ocuparam a segunda posição no ranking de setores exportadores do agronegócio brasileiro em 2020, com US$ 17,16 bilhões. As vendas de carne bovina representaram 49,4% desse montante, registrando um crescimento de 11,1% ante 2019.


As exportações de carne bovina in natura registraram recorde em valor (US$ 7,45 bilhões) e quantidade (1,72 milhão de toneladas). A China foi o principal mercado de destino do produto, tendo adquirido 54,2% do total exportado (US$ 4,04 bilhões).

Países asiáticos com olhos voltados ao Brasil

China e Hong Kong, que são os nossos principais parceiros desde 2013, foram os maiores responsáveis pelo crescimento das exportações no ano. O crescimento em 2020 foi de 9% em relação a 2019, atingindo US$36 bilhões em valor exportado (36% do total).


Destaque também para o crescimento das exportações brasileiras, em relação a 2019, o Sudeste Asiático (+30%), o Sul da Ásia (+30%) e a África Subsaariana (+16%). Para a União Europeia, segundo maior destino, houve ligeira redução em relação a 2019. A maior redução foi para o Japão e a Coréia do Sul que recuaram 11%.


No entanto, houve um crescimento de 13% nas exportações para os países asiáticos como um todo, principais destinos do agronegócio brasileiro, em relação a 2019. As exportações para os países desenvolvidos caíram 4%.




4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Central do aluno

0800 006 0070

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

ENDEREÇO DAS UNIDADES

Goiânia - GO

Unidade de Negócios

AV. T-9, 2.310

Jardim América

Goiânia - GO

Salas 105A a 108A

Condomínio Comercial Inove Intelligent Place

Jataí - GO

Faculdade

Av. Prof. Edvan Assis Melo, 1075

Centro

Jataí-GO

CIDADES ATENDIDAS (MBA & PÓS PRESENCIAIS)

Goiás

Goiânia

Jataí

Mineiros

Rio Verde

Rondônia

Vilhena

Mato Grosso

Cuiabá

Água Boa

Primavera do Leste

Querência

Sinop

Bahia

Luis Eduardo Magalhães

e-MEC  

Trabalhe conosco