As profissões mais promissoras do agronegócio


O agronegócio está sempre se transformando, e mesmo em um ano difícil para a economia no geral, vem mostrando um resultado extraordinário com um crescimento bastante relevante. O Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio brasileiro avançou 4,65% nos primeiros cinco meses do ano ante igual período de 2019, informou a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

Esse crescimento desencadeia diversos fatores e um deles é a demanda por profissionais técnicos. Segundo levantamento feito pela Michael Page, o número de contratações feitas pela consultoria cresceu 30% no primeiro semestre deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado.

Setor básico para sustentação da vida e, portanto, menos suscetível aos impactos da crise causada pelo novo coronavírus, o agronegócio tende a ser um dos motores do emprego no país também neste segundo semestre e até mesmo nos próximos 10 anos que estão por vir.

De acordo com estimativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), nos próximos 10 anos, a produção de grãos deverá crescer 27%, passando das atuais 250,9 milhões para de 318,3 milhões de toneladas na safra 2029/2030. Ou seja, um crescimento de 2,4% ao ano.

Mas quais são as profissões que podem se destacar em meio a esse cenário? Elencamos 4 delas no texto de hoje. Fique com a gente!

Engenheiro de Aplicação e Suporte

O engenheiro de Aplicação e Suporte estimula o elo técnico entre cliente e empresa, desenvolvendo soluções de TI/automação para garantir o melhor desempenho de máquinas e equipamentos no campo, desde drones, sistemas de TI, geomonitoramento e automatização.

É importante que o candidato tenha forte profundidade técnica em TI, eletrônica e mecânica, e capacidade de entendimento de necessidades e customizações necessárias para cada cliente, com foco em resolução de problemas e melhorias. Os salários podem ir de R$ 6 mil a R$ 11 mil.

Coordenador de Manutenção

O Coordenador de Manutenção é responsável por garantir disponibilidade dos equipamentos industriais, com viés de manutenção preventiva e preditiva, gerenciando custos e recursos de pessoas da área. É importante que o candidato tenha conhecimento técnico profundo, capacidade de gestão e liderança de equipes e turnos, com olhar de performance e foco em resultado. Os salários podem ir de R$ 9 mil a R$ 12 mil.

Gerente Vendas/Gerente de território

Esses profissionais possuem forte conhecimento do dia a dia dos clientes e buscam soluções e equipamentos que podem melhorar o desempenho do cliente, tendo também papel importante de direcionar as estruturas de pesquisa e desenvolvimento para que os novos produtos sejam alinhados com as necessidades do mercado.

Precisam ter visão técnica e de vendas, com ótimo relacionamento com o cliente final, além do olhar de soluções e transformação para fomentar a agricultura de precisão no cliente final. Os salários podem ir de R$ 15 mil a R$ 20 mil.

Gerente de Produto e/ou assuntos regulatórios

Ambos os profissionais são capazes de alavancar as áreas de negócios, melhorar desempenho operacional, além de trabalhar, desenvolver e registrar novos produtos no país. É importante que tenham forte profundidade técnica no segmento de atuação da empresa, bom entendimento das leis e órgãos regulatórios do setor, além de entendimento da necessidade final do cliente, formam um profissional com a capacidade necessária para inovar produtor no setor. Os salários podem ir de R$ 20 mil a R$ 30 mil.

28 visualizações

Central do aluno

0800 006 0070

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

ENDEREÇO DAS UNIDADES

Goiânia - GO

Unidade de Negócios

AV. T-9, 2.310

Jardim América

Goiânia - GO

Sala 610 A e 614 B

Condomínio Comercial Inove Intelligent Place

Jataí - GO

Faculdade

Av. Prof. Edvan Assis Melo, 1075

Centro

Jataí-GO

e-MEC  

Trabalhe conosco

CIDADES ATENDIDAS (MBA & PÓS)

Goiás

Goiânia

Jataí

Mineiros

Rio Verde

Rondônia

Vilhena

Mato Grosso

Cuiabá

Água Boa

Primavera do Leste

Querência

Sinop

Bahia

Luis Eduardo Magalhães