Bitcoins: Saiba tudo sobre essa criptomoeda


Atualmente, existem diversas maneiras de investir dinheiro com a finalidade de obter rendimentos. A Bolsa de Valores e a compra e venda de ações é a forma mais conhecida. Mas além dela, os bitcoins também são uma ótima alternativa. No texto de hoje, vamos falar dessa criptomoeda que tem ganhado espaço na carteira de investimentos de várias pessoas ao redor do mundo. Fique com a gente!

O que é

O Bitcoin é uma moeda digital, utilizada para comprar e vender produtos e serviços pela internet. Diferente de outras moedas, como o real ou dólar, o Bitcoin hoje só existe no meio virtual, sendo guardadas em uma carteira digital.

Surgimento

A moeda surgiu em 2009, como uma forma de facilitar as negociações pela internet. Não se sabe muito sobre o seu criador, apenas que se trata de um programador, ou grupo de programadores, que utiliza o pseudônimo de Satoshi Nakamoto. Satoshi também é o nome dado a menor fração do Bitcoin, que seria como centavos da moeda, no valor de um centésimo de milionésimo de bitcoin (0,00000001 BTC).

Objetivo

O objetivo do Bitcoin era funcionar como uma moeda descentralizada, sem uma instituição financeira, como um banco, para intermediar a troca de dinheiro entre duas pessoas. Assim as transações pela internet poderiam ser mais rápidas, baratas e as moedas poderiam ser utilizadas em qualquer país, sem limites ou condições especiais.

Devido à sua rápida valorização, o Bitcoin se tornou, para muitos, a oportunidade de um “investimento” com alto potencial de retorno. Milhares de pessoas multiplicaram seu dinheiro com a compra de Bitcoins, mas é muito importante entender como esse mercado funciona, antes de acrescentá-lo em sua carteira de investimentos.

Como funciona

A base do sistema do Bitcoin é a criptografia. É ela que garante que o sistema funcione e que todas as transações sejam realizadas de forma segura e anônima. Por isso os Bitcoins também são chamados de criptomoedas.

Como a moeda não é regulamentada por nenhuma autoridade financeira, o processamento das transações é realizado pelos chamados mineradores. Por isso, entender como o mercado funciona, fazer cursos de investimento e consultar profissionais especializados é essencial antes de tomar qualquer decisão.