Dia do Vendedor

De uma forma geral, venda é o processo de troca de um produto ou serviço por dinheiro. As vendas ocorrem tanto de empresas para pessoas, conhecido como vendas B2C, de empresas para empresas, vendas B2B, e até sem envolver empresas, como no caso das vendas de itens usados, por exemplo.


Em todos os casos, ou na maioria deles, o vendedor é o responsável por fazer essa transição entre o produto/serviço e o cliente. Em profissionais bem-sucedidos, algumas qualidades podem ser observadas, tais como: o olhar para novas oportunidades, persistência, lealdade, riscos calculados, eficiência, comprometimento, busca de informações, metas bem traçadas, planejamento, networking, autoconfiança e a busca por aprendizados nos erros cometidos.


Além das características já citadas, o profissional precisa aprender a negociar, já que essa também é uma atividade realizada diariamente pelo vendedor. Esta atividade é caracterizada por um diálogo entre quem compra e quem quer ver. Ambos precisam chegar a um acordo juntos. No entanto, a informação é aliada da negociação, já que quanto mais o vendedor souber do produto e das dores do cliente, mais ele conseguirá persuadi-lo a comprar.


Segundo Neil Patel, aprender como ser um bom vendedor é possível. Para isso, é preciso reunir técnicas de persuasão, habilidades de comunicação e muita paciência. Depois de muita prática e estudo, é possível vender mais e melhor com consistência – e se preparar para uma comissão maior no fim do mês.

Hoje, primeiro de Outubro, é o Dia do Vendedor no Brasil. A data homenageia os profissionais que trabalham realizando a venda de produtos e/ou conceitos e ideias para o consumidor, cujas atividades são regulamentadas pela Lei nº 3.207, de 18 de julho de 1957, sancionada pelo presidente Juscelino Kubitschek.


Nós da FGI prestigiamos estes importantes profissionais do mercado e desejamos um Feliz Dia do Vendedor.

whatsapp-logo-1.png