Entenda como a Psicologia influencia no Agronegócio

A Psicologia chega na zona rural por meio das Políticas Públicas. O equipamento que atua junto às populações rurais é o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). É um local público, localizado prioritariamente em áreas de maior vulnerabilidade social, onde são oferecidos os serviços de Assistência Social, com o objetivo de fortalecer a convivência com a família e com a comunidade.


Nas regiões de difícil acesso, como no caso das comunidades ribeirinhas, indígenas, rurais, quilombolas, e outras, o Cras tem as chamadas “Equipe Volante”, que realizam a busca ativa. O deslocamento destas equipes é realizado por meio de carros ou das Lanchas da Assistência Social.


No entanto, existem vários CRAS atuando sem a equipe mínima completa, tanto em relação aos técnicos de nível médio, quanto aos técnicos de nível superior, onde se enquadram os psicólogos.


Diante dessa realidade, as diretrizes sugeridas na cartilha do Conselho Federal de Psicologia (CFP) para o psicólogo que atua no contexto de CRAS são claras: o profissional deve focar-se em compreender primeiramente os fenômenos sociais enfrentados subjetivamente por cada pessoa, e desta forma, pode sugerir ações que influenciam esses fenômenos, não se limitando apenas ao consultório, mas se envolvendo com a realidade da comunidade e entendendo realmente as necessidades e anseios desta.


Dentro deste cenário rural, o psicólogo trata das seguintes questões: compreensão das especificidades do meio rural; psicologia ambiental; influência do meio social na formação do psiquismo e a importância dos vínculos comunitários. É válido salientar que os profissionais atuam com o mesmo olhar humano e repleto de empatia com os moradores e trabalhadores rurais.


Esse trabalho é de extrema importância já que estimula o paciente a enxergar suas questões por outros ângulos e procurar respostas em lugares que pareciam sem sentido. É abrir o leque de possibilidades e prover saúde mental e emocional para que essas pessoas possam trabalhar com mais dignidade.


O agronegócio, assim como qualquer outro ramo de negócio, tem muito a ganhar ao investir em sessões com psicólogos. A vida pessoal melhora e, consequentemente, o trabalho também. Novas ideias, novos frutos e mais rentabilidade são mais percebidos em quem tem acesso a esse tipo de apoio.


whatsapp-logo-1.png