Novos horários de funcionamento da Bolsa de Valores


Nos últimos anos, os horários de funcionamento da Bolsa de Valores, B3, tem mudado muito. Essa mudança aconteceu mais uma vez na segunda-feira da semana passada, 15 de março. A bolsa operava em horário estendido desde 3 de novembro devido à diferença de 2 horas com a sede da Bolsa nos EUA. Porém, com a volta do horário de verão dos EUA, a diferença de duas horas entre Brasil e Nova York caiu pela metade novamente. Dessa forma, as bolsas norte-americanas passam a abrir às 10h30 e fechar às 17h, no horário de Brasília.


Essa nova realidade permitiu que a Bolsa brasileira voltasse a operar em seu horário normal, encerrando as negociações às 17h do horário de Brasília. Assim, o Ibovespa abre às 10h, com o fechamento às 17h. Com a mudança de horário, voltam também as negociações das 17h30 às 18h, chamadas de "after market".


O After-Market é, na definição da própria Bolsa, “o período de negociação que ocorre fora do horário regular de Pregão”. Segundo o InfoMoney, esse período permite que pessoas que trabalham o dia todo e não têm muito tempo de fazer as suas operações de compra e venda de ações, possam fazer transações dentro de algumas regras preestabelecidas. A transação de compra e venda de ações é feita da mesma maneira, por meio do home broker ou então pela mesa de operações da corretora.


O After Market dura apenas meia hora, mas no início tinha uma duração ainda maior, de três horas, e terminava apenas às 22h. No entanto, em meados de 2000, com o apagão energético que aconteceu no país e a necessidade de economizar energia, este horário foi reduzido.