Os melhores fundos de ações nos últimos 12 meses

Fundos de ações têm como principal objetivo investir o dinheiro das cotas na Bolsa de Valores, mais precisamente em ações de empresas que estão disponíveis no pregão (que é a compra e venda de ações na Bolsa).


Um fundo só pode ser classificado como fundo de ações se os gestores investirem no mínimo 67% do valor das cotas em ações. Essa definição segue as diretrizes da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Sabendo disso, no texto de hoje, vamos falar sobre alguns dos melhores fundos de ações dos últimos 12 meses.


Vista Multiestrategia Fc FI Mult

O Vista Multiestratégia é o fundo mais arrojado da estratégia Vista Macro. O objetivo e os investimentos são semelhantes aos do Vista Hedge e as diferenças na composição de portfólio costumeiramente são as exposições em cada investimento. O seu retorno em Janeiro é de 7,42%, já em doze meses é de 42,03% e, por fim, em 3 anos é de 82,3%.


Bradesco H FI Mult Bolsa Americana

O fundo busca rentabilidade que acompanhe o desempenho da bolsa americana. Para atingir o seu objetivo, o fundo investe em estratégias de renda fixa, como por exemplo

títulos públicos federais, e instrumentos negociados na BM&FBovespa que permitem a exposição ao mercado acionário norte-americano. O fundo destina-se a investidores em geral. O seu retorno em Janeiro é de -5,33%, já em doze meses é de 25,27% e, por fim, em 3 anos é de 73,67%.


Vinci Total Return Fc FI Mult

O Fundo tem por objetivo a busca de retorno através de investimentos majoritariamente no mercado de ações, com uma abordagem fundamentalista (bottom up) e top down (visão dos ciclos de mercado) e horizonte de médio/longo prazo, utilizando o mercado à vista e de derivativos, além de cotas de fundos de investimentos negociados nos mercados interno e externo.


Os mercados de derivativos, renda fixa e cambial também podem ser utilizados na busca de hedges para composição de uma melhor relação de risco/retorno do fundo. O seu retorno em Janeiro é de 6,03%, já em doze meses é de 23,63%.


Go Global Equity Esg Reais Mult Ie FI

O fundo Go Global Equity ESG Reais Investimento no Exterior aplica seus recursos em um veículo offshore de renda variável com carteira diversificada que investe em empresas de alta qualidade (entre 70 e 135) nos principais países do mundo e que apresentem sólidos critérios de sustentabilidade.


A gestão dos ativos da carteira do fundo offshore é realizada pela Boston Partners, uma empresa do Grupo Robeco, através de uma parceria com o Santander. O veículo offshore possui um modelo de gestão com viés ESG que busca avaliar os aspectos sociais, ambientais e de governança corporativa de sólidas companhias, além de o veículo local possuir hedge para reais, ou seja, proteção de variação cambial. Tem como benchmark o MSCI World, índice do mercado de ações globais. O seu retorno em Janeiro é de -5,30%, já em doze meses é de 23,55%.