Princípios Sistêmicos ligados à Inteligência Artificial


A Inteligência Artificial é um avanço tecnológico que permite que sistemas simulem uma inteligência similar à humana, indo além da programação de ordens específicas para tomar decisões de forma autônoma, baseadas em padrões de enormes bancos de dados. Em sua essência, permite que os sistemas tomem decisões de forma independente, precisa e apoiada em dados digitais.


O que, numa visão otimista, multiplica a capacidade racional do ser humano de resolver problemas práticos, simular situações, pensar em respostas ou, de forma mais ampla, potencializa a capacidade de ser inteligente. Sendo assim, a inteligência artificial não está aqui para nos substituir. Ela expande nossas capacidades e nos torna melhores naquilo que fazemos. Como os algoritmos de IA aprendem de maneira diferente dos seres humanos, eles olham para as coisas de maneira diferente. Eles podem ver relacionamentos e padrões que nos escapam.


Essa parceria entre humanidade e inteligência artificial oferece muitas oportunidades, dentre as quais estão: levar inteligência analítica para indústrias e domínios nos quais ela é pouco utilizada hoje; melhorar o desempenho de tecnologias analíticas existentes, como visão computacional e análise de séries temporais; derrubar as barreiras econômicas, incluindo barreiras linguísticas e de tradução; expandir capacidades humanas existentes e nos tornar melhores naquilo que fazemos e contribui para auxiliar e otimizar o pensamento sistêmico em uma instituição.


No módulo ‘Princípios Sistêmicos ligados à Inteligência Artificial' do MBA Liderança e Excelência Humana, o aluno aprende a relação entre a inteligência artificial com o pensamento sistêmico, e como a IA pode otimizar e auxiliar. Com duração de apenas 18 meses, as aulas são mensais e acontecem aos finais de semana no formato ao vivo, entregando uma experiência 100% digital. Ficou interessado(a)? Clique aqui e saiba mais.

Posts R